Mas Deus, sou insuficiente

Se eu olhar para mim, como se eu estivesse por fora da minha realidade, como uma expectadora da minha própria vida, veria o quanto sou insuficiente e muito atrapalhada. Parei pela tarde, nas minhas cobranças de quase todos os dias e falei com o Pai: sou insuficiente. Sinto que minhas orações não são o suficiente. Fechei meus olhos, para me concentrar melhor e lá ouvia uma canção sobre convidar o Espirito Santo para fazer morada.

Foi então que eu ouvi o mais óbvio e importante daquela música: Ele quer que você convide-O para fazer morada, nada será o mesmo. Então falei com o Espírito Santo que eu sou insuficiente e que eu preciso dele. Orei, expus para ele e o pedi. As vezes nem tenho muito o que falar, mas acho que preciso falar muito. Eu não preciso, só preciso dizer o necessário, o que realmente tenho aqui dentro. O Espírito Santo sabe lidar com minhas insuficiências, enquanto eu sei me inclinar para a minha natureza humana.

Quando eu começo a viver realmente sendo morada para o Espírito Santo, nada mais é como antes, nem mesmo os meus sentimentos de insuficiência. Quando o foco e a vida é pelo Espírito Santo há algo incensante queimando dentro de mim, mostrando o céu. Mantê-lo é comigo, o amor e a paciência mais a graça de atender o convite é com Ele. Eu sei que Ele quer. Ele quer fazer parte da sua vida sim, para trazer o brilho que só Ele tem.

Não tem nada no mundo, ou fora do mundo que possa fazer o que Ele faz. E Ele faz com amor, como amigo. Não deixe sua insuficiência ser o seu tudo, mas sim o Espírito Santo. Ele vem quando Jesus faz parte da nossa vida, pois esta é a promessa de Jesus para que não tenhamos o sentimento de abandono ou orfandade, visto que Ele ressuscitou e está com o Pai. Mantenha isso mesmo que custe tudo.
Tecnologia do Blogger.