Cara, conheço ele de perto. Sei quem ele é. Seu nome é Jesus.

O que é mais importante agora,  neste exato segundo e para o todo sempre? É a firme presença e comunhão minha com Cristo. Sempre oro e peço: "vem Jesus. Vem cá. Não vá embora, não desista, fique aqui porque preciso de você mais que tudo." E daí que tem tantos gritos e berros, e coisas acontecendo agora, seja onde for, ou sobre quem não compreende, ou mesmo é ignorante sobre Jesus? Cara, conheço ele de perto. Sei quem ele é.

Não vou deixá-lo, não mesmo. Ele não passa o seu valor para outras coisas, muito menos transfere o que está imputado sobre ele a outras coisas. Quem Jesus é não muda, muito menos pode ser trocado, ou levado como segunda opção. Ou ele é tudo, ou nada. E se nada então eu sou apenas uma pedra de tropeço no caminho. O melhor é que eu vejo o amor dele, e eu posso ver o que é a verdade e isso é sobre a graça dele. Eu quero que Jesus seja tudo agora e para todo o sempre.

Mesmo que se eu fosse uma das últimas pessoas a crer nisso, não importa, o que importa é corresponder Jesus e de forma alguma espantá-lo para longe. Ele é a imagem do Deus invisível, Ele é o cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Nele encontro descanso, abrigo seguro, salvação. Único, e digno será sempre o mais importante agora, portanto não quero tirar os olhos disso.
Tecnologia do Blogger.