Planos para o resto do fim do ano? #2

Um dia aceitei Jesus — e isso não termina nunca! — mas sabe que ele não me aceitou primeiro apenas? Ele fez mais do que me aceitar, pois ele me salvou! Parece que o desespero quis me pegar nesse restinho de fim de ano, e o impressionante para mim é que Deus sempre me faz ver o quanto que ele quer que eu confie nele. Quanto mais eu permaneço com ele mais profundo eu vou se eu quiser. Não tem como estar com Deus de coração dividido, não dando tudo de si; ou é tudo, ou nada. Ontem eu estava me agarrando a Jesus por quem ele é — o Filho de Deus — e hoje eu estou com ele mais que ontem. Entre erros e acertos sei que a minha vida com ele sempre será sobre dependência, nem adianta pensar que ainda tem tantas coisas que eu queria mudar, elas vão, mas apenas com Deus é possível ir além do que eu poderia com a força dos meus próprios braços. É dependendo dele e confiando nele que eu consigo viver de verdade. Isso significa que tudo o que eu quero inclusive para esse resto de fim de ano não será simplesmente os meus planos, ou o os meus problemas, mas sim o que Deus quer de mim. A única coisa que importa, além de todas as boas coisas que eu poderia planejar para mim é me apegar a quem ele é, dedicando tudo de mim e confiando nele, orando e agradecendo por tudo. Fim de ano é nostálgico, mas ao mesmo tempo é tão energético, causa um gás lá dentro para que a gente preste atenção em boas coisas e eu confiarei em Deus, as coisas vão ser do jeito dele, e já estão. As pessoas estão por aí, a vida continua, a situação do mundo parece até piorar, mas aqui dentro tem alguém que tem meu coração e esse alguém me deu tudo de si. Eu só preciso continuar e perseguir em conhecê-lo. 
Tecnologia do Blogger.