Será que o amor que eu sempre quis existe?

Sempre sonhei em ter um amor que me tivesse como seu tudo. Eu sempre quis alguém que me levasse a sério, e gostasse de mim de verdade, não apenas uma paixão, ou um simples "gosto dela", mas o que eu queria era que alguém me amasse de verdade. E por mais que eu me relacionasse acreditando que finalmente essa pessoa havia chegado eu me frustrava percebendo que na verdade eu havia me enganado, por que ela conseguia fazer era o oposto do que eu gostaria que fizesse por mim.

Mas eu não desisti do amor, e continuei disposta a abrir meu coração para alguém que me amasse, porém todas as vezes seguidas que fiz isso sempre me frustrei. Um certo dia com Jesus, consegui perceber o quanto eu estava perdendo meu tempo procurando nas pessoas aquilo que só consigo encontrar nele. E o pior era que na verdade a culpa era minha também, por que eu acreditava que tinha o Amor comigo, quando na verdade eu o deixava de lado e sempre era inconstante com ele.

Um dia Deus me mostrou quem eu era, e o quanto eu estava iludida, por que somente nele eu encontro o amor que eu preciso: alguém que me ame de verdade, que me tenha como tudo, e que jamais me abandone, mas que seja leal. Porém, como eu poderia experimentar dessa plenitude de amor com Deus, esse amor que eu sempre quis ter pra mim e nunca encontrei nas pessoas, se exatamente com ele era inconstante?

Aprendi a corresponder o amor de Jesus imediatamente. A dar para ele tudo de mim, dos meus pensamentos, do meu tempo. Escolhi isso. Passei a desejá-lo de tal forma que o resto, e tudo o que eu mais desejava até meus sonhos passaram a ser nada comparado a ele, por que como eu poderia afirmar conhecê-lo e amá-lo, recebendo dele todo esse amor, se eu era inconstante? Eu só recebia como resultado a frustração, e ainda ficava suscetível a qualquer coisa e a qualquer pessoa.

Mas a tempo reconheci, por causa dele o amor. Por ele comecei a ter atitude. Por que desde o começo tudo o que eu sempre quis encontro apenas nele. E se eu quero um amor aqui comigo, nele eu conseguirei encontrar, mas primeiro preciso ter um caso de amor eterno só com Deus. Isso é tão maluco, mas é tão bom que eu só quero ele. Já não suporto mais ficar sem ele, e esquecê-lo até dos meus pensamentos. Preciso da fé, da Palavra, e do amor, de tamanha forma que nada mais consiga ocupar Deus em mim. Eu não quero nada mais além dele.
Tecnologia do Blogger.