Deus, deixe-me em chamas

Quando eu estou com tanta sede e fome de Deus, mas trato de ir até ele e ser preenchida, assim como ele vem até mim... Deus me incendeia! Isso não é para durar um minuto, mas isso é para a vida! Muita coisa se abre, e a certeza que apenas com Deus é possível viver no mundo, sem o mundo dentro de si, por que há amor e algo que preenche os mais profundos vazios do coração. Portanto fico ocupada. Liberta-me de tudo o que pode me aprisionar e leva-me a viver com outra coisa dentro de mim.

Eu amo quando Deus me incendeia. Amo quando ele se torna tudo! Quem Deus é, para que eu o leve como um "cara legal", de vez em quando? Isso é se limitar a não viver uma vida grandiosa; não nos termos do mundo, mas a vida com Deus é muito mais elevada do que tudo o que há por aqui. É uma vida com Deus, uma vida com quem tanto nos amou. É uma vida com quem jamais me abandonaria ou erraria comigo. É uma vida com alguém tão incrível, que as palavras são incapazes de defini-lo; ele é o próprio amor ainda, Autor da Vida.

A verdade é que eu pertenço a ele, portanto é tudo sobre quem ele é. E quanto mais eu me aproximo da verdade, de seu amor, sua presença mais eu percebo que não há mais nada como Deus. Não vale a pena se cortar para caber em lugares tão pequenos nesse mundo criado e aclamado por tantos, quando Deus tem um oceano de amor para mim, assim como ele tem uma eternidade de vida, visto que apenas isso seria capaz de me preencher.
Tecnologia do Blogger.