Essa guerra que eu enfrento todo dia

A vida, às vezes, parecerá uma guerra escancarada, mas nem sempre. Em algum tempo será claro o quanto eu tenho que lutar seja pelo o que for, e foco aqui em Jesus, como em outras horas vou pensar que posso relaxar e deixar as situações me levarem. Os meus olhos não podem jamais perder Jesus! É questão de vida ou morte isso. Por que não existe vida sem Jesus, não existe a segurança e o amor que só existe nele.

Não se trata de eu ganhar alguma coisa em cima do Filho de Deus como vantagem. Trata-se de eu continuar de mãos dadas com o meu Salvador o tempo inteiro, pois ele não fez pouco por mim, mas deu sua própria vida para que a minha vida não se perdesse. O que Jesus fez me tocou, no mais profundo de mim. Toda vez que eu tiro os olhos dele afundo, como se eu estivesse em um mar, até que os meus pés alcancem o mais profundo do mar e já não posso respirar ou subir a margem por que ficarei presa.

Jesus coloca um basta nisso, por que quando eu clamo por ele, e olho somente para ele, não importa o quão horrível seja a situação, a mão dele me segura e me salva. A vida com ele vai ainda além disso, por que depois de ele me salvar eu só preciso viver com ele, agarrada, amando-o. Vão ter coisas, pessoas e situações para tentar me desviar da fidelidade e desse amor? Sim, mas nada disso será maior que Jesus, que o amor dele e do meu. Ele tem meu coração agora? Ele tem os meus pensamentos? Ele tem as minhas atitudes que me fazem correr para os braços dele? Eu não posso perder o meu Amado de vista.
Tecnologia do Blogger.