O céu.

Eu entendo que o céu é como se fosse um recado constante de Deus para nós, sobre a Sua Glória, Sua promessa e Sua Perfeição. Não é razoável nem possível ser incrédulo e passar como inocente diante dEle, pois mesmo que alguém nunca tenha ouvido e recebido uma Palavra e mensagem do Senhor, nem ouvido do evangelho, como já nos diz Paulo em Romanos, todo o Seu poder e Sua divindade são claramente manifestos nas coisas criadas, de forma que todos nós nos tornamos indesculpáveis. 

A natureza é um recado de Deus para nós, como um lembrete, uma carta de amor de Sua realidade para a nossa realidade. Mas, o que falar do céu? É um romantismo sem igual, pois o céu é pureza, é leveza, delicadeza e o mais importante, simboliza morada e santidade de Deus, mesmo que estejamos falando apenas do primeiro céu, esse que podemos chegar até ele, a atmosfera no caso. Ainda assim, o céu representa tudo isso, e em meio a este mundo caótico, problemático, caído e pecador, podemos olhar para o céu, podemos suspirar e confiar nEle, e captar o recado que todos os dias Ele dá para nós. E assim, podemos nos inteirar no lembrete dEle, de que um dia tudo será perfeito, assim como o céu é. 
Tecnologia do Blogger.